quarta-feira, 31 de agosto de 2011




Ela: A ausência de minha voz irá bater em sua porta e trazendo consigo a saudade das vezes que ficávamos falando qualquer bobagem pra fazer o outro ficar bem. A falta de ouvir um “eu amo você” tão sincero e singelo te atormentará e quando estiver indo se deitar irá recordar de todos os nossos planos e sonhos que você fez questão de jogar fora. Você irá acordar com uma vontade louca de ficar com a primeira que vê e começa até namorar, mais no fundo você irá procurar meus traços, beijos, carícias nela. Você irá perceber que de nada adianta, pois fui única e por bobeira ficou sem mim. Quando for me procurar novamente, verás que é tarde de mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário